Filmes compartilhados - Unidade 16

Publicado em 31/10/2012

O filme nos passa uma lição de perseverança, vivida pelo personagem principal, o tal Sócrates do filme também passa: apesar de termos que nos preocupar com o futuro, temos também que viver fortemente cada momento do presente. Este filme favorece a introspecção, a busca própria verdade. Frases do filme: Conhecimento não é o mesmo que sabedoria. Sabedoria é agir; As pessoas não são o que pensam. Elas pensam que são e isso lhes traz todo tipo de tristeza; Nunca será melhor. Do mesmo modo que nunca será menos do que ninguém. O hábito é o problema. Só precisa estar consciente de suas escolhas e ser responsável por seus atos; A morte não é triste. O triste é que a maioria das pessoas não vive nada; A jornada é o que nos traz a felicidade, não o destino..
"Não valorizei meu talento, não cuidei da minha vida, estou com medo, mas acho que me livrei do meu passado e estou tentando acertar"

Publicado em 17/09/2012

sinopse
Com suas tripulações e cargueiros desaparecendo em torno de triângulo das Bermudas em um tiro alarmante, o bilionário Eric Berinall contra trauma equipe de especialistas para lhe dar apoio. Cada membro foi selecionado por ele próprio e a equipe consiste de um jornalista, uma oceanógrafa, um cientista e um paranormal. Reunidos através de ofertas atraentes feitas para cada um, a equipe investigara o lendário e misterioso triangulo para achar as respostas. Mas à medida que as pesquisas vão se aprofundando, acontecimentos bizarros se tornam cada vez mais freqüentes e sã um pesadelo para toda a tripulação. Movidos pela atraente recompensa oferecida no inicio, agora eles podem ter se envolvido em algo que não entendem e não há como voltar.

Enviado em 10/12/2011

Sinopse
Morgana (Julianna Margulies) recorda que a maioria do que foi dito sobre o Rei Arthur (Edward Atherton) e aqueles que o cercavam é mentira, pois, como sacerdotisa de Avalon, onde nasceu a religião da Deusa-Mãe, viveu estes acontecimentos, que começaram quando acontece o maior levante já visto na Bretanha. Os saxões varriam o país matando igualmente cristãos e seguidores da deusa de Avalon. Se um grande líder não unisse cristãos e pagãos, a Bretanha estaria condenada ao barbarismo e Avalon ao desaparecimento.